Natália Martins

Natália Martins

 

Cinema

Curtas:

2017 “Trago o amor em 7 dias”

Direção: Afonso Souto Mendes

2016 “O Ponto”

Direção: Vanessa Martins

 

Web série

2015 “Big Roger”

Direção: Alana Neres

 

Teatro

2017/18 “In Cômodos”

Direção: Juliana Sanches

2015/16 “O Beijo no Asfalto”, dirigida por Jair Aguiar

Direção: Jair Aguiar

2014 “Corrida ao Caos”

Direção: Antônio Netto

2014 “O Mambembe”

Direção: Jair Aguiar

2013 “Memórias Póstumas de Brás Cubas”,

Direção: Jair Aguiar

2012 “Castro Alves Pede Passagem”

Direção: Jair Aguiar

2013 “O Mambembe”

Direção: Jair Aguiar

 

Formação

Formada pela Oficina de Atores – Cia das Artes

Interpretação para cinema, com Nara Sakarê, no Ap 43

Interpretação para cinema, com Marçal Henrique da Costa, na SP Escola de Teatro

Pornografia, Pornochanchada, Brasil, com Tablado de Arruar, direção de Alexandre Dal Farra e Clayton Mariano

Atuação Dramatúrgica – Módulo I na Companhia do Latão, com orientação de Sérgio Carvalho, Helena Albergaria e Ney Piacentini

Dramaturgia In Vitro para “O Ponto”, com Isabel Teixeira e Lucas Brandão, na Oficina Cultural Oswald de Andrade

Manifesto de um corpo delirante, com Carolina Bianchi, no Instituto Tomie Ohtake

É integrante da Coletiva Anônima, direção de Juliana Sanches

Integrou o núcleo “Ser, só ser”, coordenado por Juliana Sanches, no Grupo XIX

Integrou o Grupo de Segunda